O que fazer quando o pai não quer registrar o filho?

As crianças vem ao mundo por um motivo, por ter sido geradas dentro da barriga das mães após elas engravidar dos parceiros e são inocentes, não sabem porque veio mas sabem que estão no mundo e tem pais.

Após o nascimento, nem todos os pais se preocupam em ir ao cartório registrar as crianças mas com a lei, tudo pode mudar.

É por isso que existe o DNA, para descobrir o pai biológico da criança que nasceu e vive sem pai.

São tantos problemas hoje em dia, é mãe que prefere registrar o filho só com o nome dela, enquanto existe outra que faz de tudo para correr atrás do pai que não quer assumir para registrar o filho.

Para explicar melhor essa situação, destacamos abaixo, algumas informações importantes de como proceder quando o pai não quer assumir a paternidade:

O que a mãe deve fazer quando o pai não quer assumir paternidade
Quando o pai não assume a paternidade, a mãe deve procurar o cartório, o Ministério Público ou a Defensoria Pública para enviar intimação ao suposto pai para que se manifeste sobre as alegações. Caso ele não concorde, a mãe pode ingressar com Ação de Investigação de Paternidade.

Não quero registrar meu filho com o nome do pai
De acordo ocm as informações, a mãe que não quer ver o nome do pai no registro de nascimento da criança poderá assinar um termo abrindo mão disso e registrar o filho somente no nome dela. Depois se o pai quiser recorrer ao cartório para reconhecer a paternidade, ele pode.

Caso é ele que quer assumir o direito de pai e ela não quer deixar, o suposto pai pode entrar com ação de investigação de paternidade, onde nesta o juiz deverá solicitar um DNA da criança.

Como é feita a declaração do pai reconhecendo o filho?
A declaração de paternidade é o documento por meio do qual uma pessoa reconhece sua condição de pai de uma criança que até o momento não tenha tal detalhe em seus registros.

Tal documento de reconhecimento, com firma devidamente reconhecida, será usada para realização das alterações obrigatórias nos registros de nascimento do filho.

Entenda o que é Registro tardio de paternidade e como funciona
O reconhecimento da paternidade deverá ser realizado sem custos e a qualquer tempo, sendo pedido pela mãe da criança, pelo próprio filho de 18 anos ou mais ou ainda pelo pai que pretende confirmar sua paternidade.

Toda mãe que quiser, pode apontar o suposto pai em qualquer cartório de registro civil do país e o Ministério Público também pode ser acionado para começar uma ação de investigação de paternidade acumulada com o pedido de alimentos.

Se você ainda tem dúvida e quer obter mais informações sobre o assunto, converse com um oficial, advogado ou pessoas que já passaram por essa situação e conseguiram resolver ou que entendem do assunto, assim você poderá chegar a conclusão e resolver os seus objetivos da melhor forma possível. Não custa nada tentar, desde que seja o melhor para a criança, a lei pode aceitar.

2 thoughts on “O que fazer quando o pai não quer registrar o filho?

  1. Tinha uma namorada ela foi embora uns dois meses depois aparece na casa da mãe dela gravida ela tá dizendo que é meu so que neste tempo ela curtiu festas aos montes tenho até fotos,e agora tá dizendo que o filho é meu e que não vai deixar eu registra e quer pencao oque eu faço

  2. Val disse:

    Amigo, Ela pode ter curtido o que ela quiser. Se o filho for seu a responsabilidade tbm é sua! Entra com pedido de reconhecimento de paternidade e aguarde resultado. Ou pague pelo teste uns 500 reais. Isso não impede a mãe de RECEBER a pensão até sair o resultado. Felicidades…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *